BandCamp - Música Independente!
Bandcamp!
Site do Vagner Pitta: Acervo de jazz: discos e fotos!
Site do Pitta
Siga-nos no twitter: dicas, vídeos, links gerais sobre música!!!
Twitter/Siga-nos!
Confira todos os links que indicamos no Farofa Moderna Links!
Best Albums
Facebook do Vagner Pitta
Grupo no Facebook
Last.Fm - Playlists de Vagner Pitta
last.fm - Playlists
Confira nosso acervo de vídeos!!!
Great Videos!
contato.vagnerpitta@hotmail.com
OBS: Produtores, músicos, escritores e outros que quiserem divulgar no Blog Farofa Moderna, consultem nossas políticas na página ABOUT US e contate-nos.
Para uma melhor visualização do blog, use o navegador Google Chrome/To better view the blog, use the Google Chrome browser

Welcome to Blog Farofa Moderna! Search bellow:

Highlights: ensaios, lançamentos, curiosidades, posts mais lidos e etc

Música Erudita!
Eric Dolphy
Eletronic+Jazz!
London Improvisers
Hamilton de Holanda
Mario Pavone
Lançamentos!
Max Roach!

Views since May/ 2010

Translate

The Stage door Swings - Stan Kenton 1958

Stan Kenton foi o maior chefe de Big Band da história do Jazz! Nunca ouve na história da música um trabalho com big band tão refinado e peculiar como o de Stan Kenton! Essas afirmações categórias seriam forçadas se não se tratasse de um dos chefes de banda mais carismáticos, elegantes e perfeccionistas da história do Jazz. Mas aí se pergunta: e a orquestra de Duke Ellington? E Count Basie? E a big band de Woody Herman? Sim, sem dúvida todas estão no nível das big bands de Kenton e vice-versa, mas o arranjo e busca por sonoridades brilhantes foi muito mais trabalhado por Stan Kenton do que pelos seus contemporâneos. Duke era era o exímio compositor e pianista negro surgido no Harlem que já tinha feito muitas experiências com trompetes, usando surdinas para produzir efeitos wah-wah, destacando o lirismo do saxofone, entre outras experimentações. Stan Kenton, por sua vez, foi o músico branco que expandiu os horizontes sonoros do jazz ao insistir no trabalho com as big bands apartir do final da década de 40, justamente apartir da época em que as grandes formações estavam saindo de moda: a sua proposta era, assim como Duke Ellington, trabalhar composições e arranjos com a mesma perfeição e exigência da música erudita. Para tanto, Kenton se inspirava nos grandes mestres da orquestração erudita como Igor Stravinsky: o resultado era sempre uma big band com carga expressionista, mas melodiosa, enérgica e explosiva, com um som mágico cheio de cores, uma idéia que tratou logo de expurgar os clichês do tradicional swing para, assim, expandir o campo do arranjo e colocar proposta do Third Stream, um subgênero do jazz caracterizado pela fusão do mesmo com a música erudita. Para as partes mais intimistas Stan Kenton imprimia traços de um impressionismo na marca de Debussy, trabalhando munuciosamente pra mostrar cada detalhe da música. Não foi a toa que Kenton foi um dos maiores patronos do West Coast, empregando a maioria dos grandes solistas desse reduto. Devido sua habilidade e sucesso com big bands, Stan Kenton sempre pôde se fartar com a colaboração dos maiores solistas que existiram em sua época: Lee Konitz, Bud Shank e Charlie Mariano ao sax; Maynard Ferguson, Conte Candoli e Shorty Rogers ao trompete; Frank Rosolino ao trombone; Shelly Manne à bateria e Eddie Safranski ao contrabaixo - para citar apenas alguns. Neste disco, gravado em 1958 pelo selo Capitol, Stan Kenton tem boas colaborações do trompetista Jack Sheldon, do saxtenorista Bill Trujillo e do altoísta e arranjador Lennie Niehaus, dentre outros músicos do West Coast.

1. Lullabay of Broadway
2. Party's Over, The
3. Baubles, Bangles, And Beads
4. Ev'ry Time We Say Goodbye
5. Whatever Lola Wants
6. Bali Ha'l
7. Hey There
8. Younger Than Springime
9. On the Street Where You Live
10. I Love Paris
11. I've Never Been in Love Before
12. All at Once You Love Her


Download



4 comentários:

Antônio disse...

Bom dia, prezado amigo! Excelente o seu blog com variados e raros mimos musicais como este de Stan Kenton. Cabe observar, contudo, que as faixas 05, 08 e 10 are corrupt! Isto é, não estão boas nem sequer foram abertas pelo winrar. De qualquer forma, valeu a pena baixar o album. Obrigado.

Vagner Pitta disse...

antonio, obrigado por nos avisar!


o link já está renovado, já consertei !



abraços!

Antônio disse...

Ok, Pitta, vou baixar de novo! Obrigado!

Anônimo disse...

necessario verificar:)

Outros Excelentes Sites Informativos (mais sites nas páginas de mídia e links)