BandCamp - Música Independente!
Bandcamp!
Site do Vagner Pitta: Acervo de jazz: discos e fotos!
Site do Pitta
Siga-nos no twitter: dicas, vídeos, links gerais sobre música!!!
Twitter/Siga-nos!
Confira todos os links que indicamos no Farofa Moderna Links!
Best Albums
Facebook do Vagner Pitta
Grupo no Facebook
Last.Fm - Playlists de Vagner Pitta
last.fm - Playlists
Confira nosso acervo de vídeos!!!
Great Videos!
contato.vagnerpitta@hotmail.com
OBS: Produtores, músicos, escritores e outros que quiserem divulgar no Blog Farofa Moderna, consultem nossas políticas na página ABOUT US e contate-nos.
Para uma melhor visualização do blog, use o navegador Google Chrome/To better view the blog, use the Google Chrome browser

Welcome to Blog Farofa Moderna! Search bellow:

Highlights: ensaios, lançamentos, curiosidades, posts mais lidos e etc

Música Erudita!
Eric Dolphy
Eletronic+Jazz!
London Improvisers
Hamilton de Holanda
Mario Pavone
Lançamentos!
Max Roach!

Views since May/ 2010

Translate

André Previn: "Jazz is an expendable art form...for me"

Um dos mais versáteis músicos do mundo, Andre Previn já acumulou consideráveis elogios como um pianista de jazz, além de ser considerado um nome importante do universo da música erudita, apesar das suas mudanças repentinas de um meio para o outro: primeiro pianista do cenário West Coast Jazz no início dos anos 50, logo em seguida como um arranjador e compositor de trilhas para Hollywood, e, depois, como um renomado maestro e diretor de algumas mais importantes orquestras da música clássica. No piano Previn adquiriu sensibilidade através de estudar os elementos de Bud Powell, Oscar Peterson e Horace Silver chegando a imprimir uma técnica irrepreensível. André Previn não é sempre lembrado como um importante pianista do Jazz e não mudou muito ao longo das décadas, transitando apenas pelo Cool e Bebop, mas no universo da versatilidade entre o Jazz/Musica Erudita habitado por pouquíssimos gigantes, Previn será sempre um dos nomes a se lembrar.

André Previn iniciou suas lições de piano na infância na sua terra natal, Berlim, antes da ameaça nazista. Com os avanços de Hitler sua família se deslocou à Paris em 1938 e aos EUA no ano seguinte. Em meados dos anos 40, já em Los Angeles, Previn começou a trabalhar como pianista de Jazz, além de começar sua carreira como arranjador, chegando a ser contratado pela Sunset Records enquanto ainda estava no ensino médio aos 18 anos de idade; além disso suas primeiras gravações para a RCA Victor chegaram a alcançar boas vendagens. Originalmente usando o swing como ponto de partida, Previn passou a tocar Bebop mais esporadicamente em 1950 pouco antes de ser chamado para servir ao exército. Ao voltar para a Los Angeles formou o interessantíssimo trio com o baterista Shelly Manne e o contrabaixista Leroy Vinnegar, chegando a alcançar sucesso com o álbum de interpretaçõs My Fair Lady que, por sua vez conduziu Previn a lançar uma série de trabalhos ambientados nas tendências da Broadway e da industria do cinema.

Conseguindo ser um dos maioires e mais premiados compositores de trilhas sonoras para filmes de Hollywood, Previn passou a ser interpretado por grandes orquestras dos EUA. Assim, a partir de 1962 Previn começou a fazer sua transição de Hollywood para se tornar um maestro de música classica por tempo integral, deixando, também, sua atividade nos meios do Jazz. Ele permaneceu longe do jazz durante 27 anos, com a exceção de um punhado de gravações que dirigiu tendo Ella Fitzgerald e violinista clássico Itzhak Perlman. No entanto, em março de 1989, com sua demissão na Filarmónica de Los Angeles agravado por problemas com a gestão da orquestra, Previn voltou ao jazz com um trio que incluia o contrabaixista Ray Brown e Joe Pass, gravando alguns álbuns para o selo Telarc que acabaram por mostrar que ele não tinha perdido a noção de swing e muito menos as técnicas adquiridas no universo pianistico do Bebop. Hoje André Previn está definitivamente consagrado como um dos grandes gênios do século XX, sendo um dos maiores compositores, maestros e pianistas de Jazz e música clássica erudita. Para baixar os álbuns indicados abaixo acesse o buscador Captain Crawl.

After Hours - André Previn Trio

1. There'll Never Be Another You
2. I Only Have Eyes For You
3. What Am I Here For
4. Limehouse Blues
5. All Things You Are
6. Honeysuckle Pose
7. I Got It Bad And THat Ain't Good
8. Smoke Gets In Your Eyes
9. Cotton Tail
10. Laura
11. One For Bunz

André Previn - piano
Joe Pass - guitar
Ray Brown - bass
King Size! 1958


1. I'll Remember April
2. Much Too Late
3. You'd Be So Nice to Come Home To
4. It Could Happen to You
5. Low and Inside
6. I'm Beginning to See the Light


André Previn - piano
Red Mitchell - bass
Frankie Capp - drums

Um comentário:

akirarw disse...

Não é dos meus favoritos, mas gosto de sua versão para West Side Story.

Outros Excelentes Sites Informativos (mais sites nas páginas de mídia e links)