BandCamp - Música Independente!
Bandcamp!
Site do Vagner Pitta: Acervo de jazz: discos e fotos!
Site do Pitta
Siga-nos no twitter: dicas, vídeos, links gerais sobre música!!!
Twitter/Siga-nos!
Confira todos os links que indicamos no Farofa Moderna Links!
Best Albums
Facebook do Vagner Pitta
Grupo no Facebook
Last.Fm - Playlists de Vagner Pitta
last.fm - Playlists
Confira nosso acervo de vídeos!!!
Great Videos!
contato.vagnerpitta@hotmail.com
OBS: Produtores, músicos, escritores e outros que quiserem divulgar no Blog Farofa Moderna, consultem nossas políticas na página ABOUT US e contate-nos.
Para uma melhor visualização do blog, use o navegador Google Chrome/To better view the blog, use the Google Chrome browser

Welcome to Blog Farofa Moderna! Search bellow:

Highlights: ensaios, lançamentos, curiosidades, posts mais lidos e etc

Música Erudita!
Eric Dolphy
Eletronic+Jazz!
London Improvisers
Hamilton de Holanda
Mario Pavone
Lançamentos!
Max Roach!

Views since May/ 2010

Translate

Charles Brackeen - Rhythm X 1968


Charles Brackeen - Rhythm X

01. Rhythm X (08:03)
02. Hour Glass (11:31)
03. Charles Concept (07:50)
04. C. B. Blues (07:00)

Charles Brackeen: tenor e soprano saxofones
Don Cherry: trompete
Charlie Haden: baixo
Ed Blackwell: bateria

Gravado em New York City, 1968




Charles Brackeen nasceu em 13/03/1940, Oklahoma. Estudou piano e violino antes de optar pelo saxofone. Tocou com Art Farmer por um curto período e se envolveu com o trompetista Don Cherry, o baixista Charlie Haden e o baterista Billy Higgins, constantes parceiros de Ornette Coleman. Também tocou com Leroy Jenkins, Dewey Redman, Ahmed Abdullah, Paul Motian, Leo Smith, Anthony Braxton, etc. Mesmo Brackeen tendo uma grande e expressiva atividade no cenário musical da improvisação, há poucos registros de gravação com seu nome, já que ele ficou um longo período sem gravar até que, em 1987, gravou pelo selo Silkheart. Brackeen desenvolveu um estilo peculiar no saxfone soprano, comparado à intensidade de Pharoah Sanders e que faz paralelo à John Gilmore, ilustre sideman de Sun Ra. Brackeen mesmo sendo ainda um nome obscuro no cenário musical, praticamente sem reconhecimento de crítica e público, contribuiu em grande parte na arte da improvisação. Um exemplo é este disco, lançado pelo selo Strata East de Charles Tolliver, e intitulado de Rhythm X : trata-se de uma reunião de Brackeen com seus amigos para uma sessão de improvisação coletiva em New York, 1968, tendo justamente o trio que acompanhava Ornette Coleman desde o final dos anos 50. Clique sobre a capa do disco para baixá-lo.

5 comentários:

akirarw disse...

Clique na foto da capa para um link do arquivo.

neil disse...

Always willing to listen to something new to me...

pituco disse...

piramidal...valeô a postagem

abraçsonoros
namaste

Vagner Pitta disse...

Esse eu não conhecia ainda. Valeu Akira por enriquecer nosso blog! Sua participação aqui tem sido fundamental pra pluralidade musical que estabelecemos aqui!

Abraços!

akirarw disse...

Valeu Pitta, tem sido um prazer em participar do Farofa. Quanto ao Charles Brackeen, foi por acaso que descobrí seu trabalho, quando procurava pela discografia de Charles Gayle no selo Silkheart. Mas seu material biográfico é extremamente escasso online, mesmo em sites específicos. abs

Outros Excelentes Sites Informativos (mais sites nas páginas de mídia e links)